Dívidas dos hospitais públicos à indústria farmacêutica é de 892 milhões de euros

Dívidas do Serviço Nacional de Saúde aumentam 1,5 milhões de euros por dia desde Fevereiro.

A dívida dos hospitais públicos à indústria farmacêutica continua a aumentar, atingindo os 892 milhões de euros em Março, tendo crescido a um ritmo de 1,5 milhões de euros por dia desde Fevereiro, de acordo com o representante do sector.

De acordo com a Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica (Apifarma), em Março deste ano a dívida dos hospitais públicos a estas empresas ascendia a 891,5 milhões de euros. Este valor representa um aumento de 46,9 milhões de euros em relação ao mês anterior, crescendo assim a dívida a um ritmo de 1,5 milhões de euros por dia.

Os comentários estão fechados.