CIP APOIA CANDIDATURA DE PORTUGAL A SEDE DA AGÊNCIA EUROPEIA DE MEDICAMENTOS

A CIP – Confederação Empresarial de Portugal apoia a candidatura portuguesa e contribuirá para demonstrar que Portugal tem todas as condições para receber esta agência europeia.

Na sequência da saída do Reino Unido da União Europeia (UE) e da consequente relocalização das agências europeias sediadas naquele país, a CIP congratula e saúda a posição assumida pelo Governo português de candidatar-se a acolher a futura sede da Agência Europeia de Medicamentos (EMA).

A localização desta instituição potencia a atividade económica e também científica, a começar pelas áreas da saúde e biotecnologia. A sede da EMA representa, por si só, um polo de atração para inúmeras atividades ligadas à investigação científica, ao licenciamento, aos ensaios clínicos, à representação de países terceiros e serviços de apoio às empresas.

Pelos números atuais, a Agência Europeia do Medicamento envolve, diretamente, reuniões presenciais com cerca de 40.000 pessoas por ano.
A sede da EMA tem uma comprovada capacidade de arrasto sobre a atividade económica e, por isso, o seu interesse vai muito além do setor do medicamento.
A candidatura de Portugal a acolher a sede da EMA é um desafio transversal a toda a sociedade e deve ser assumida como um verdadeiro desígnio nacional uma vez que a área económica da Saúde é uma das fronteiras da inovação onde Portugal se tem afirmado.

 

Os comentários estão fechados.